FELICIDADE – SABEDORIA PARA 2009!

FELICIDADESABEDORIA PARA 2009!

A felicidade é uma gama de emoções  e sentimentos que vai  desde o contentamento ou satisfação até à alegria intensa ou júbilo. A felicidade tem ainda o significado de bem-estar ou paz interna. Em linguagem comum, quando se diz “estou feliz”, expressamos uma emoção. Enquanto que ao dizer “sou feliz”,  utilizamos o significado de bem-estar.

Existem diferentes abordagens ao estudo da felicidade e das suas causas, que têm sido usadas pela filosofia, a religião e a psicologia. O Homem sempre tem buscado a felicidade e tanto os filósofos como os religiosos sempre se dedicaram a encontrar as suas causas e em definir que tipo de comportamento ou estilo de vida aumenta o nosso nível de felicidade.

Estes pensadores acreditam que felicidade é tudo o que modernamente chamamos de bem-estar ou qualidade de vida, e não simplesmente como uma emoção. Neste sentido a felicidade é o que os gregos antigos chamavam de Eudaimonia, que está além do prazer. Trata-se de algo que não depende de um elemento externo ou transitório. A Felicidade vive em nós, é parte constituinte daquilo que somos e que nos tornamos com o exercício da construção humana.

Pesquisas recentes demonstram que a felicidade pode aumentar e se estender. E um novo e revolucionário movimento, a Psicologia Positiva, ensina como conseguir isso. Finalmente, chegou a hora e a vez de uma ciência que procura entender a emoção positiva, desenvolver força e virtude e oferecer orientação para o que Aristóteles chamou de “vida boa”.  Em suas reflexões sobre ética, Aristóteles afirma que o propósito da vida humana é a obtenção do que ele chama de vida boa. Para Aristóteles, ser feliz e ser útil à comunidade eram dois objetivos sobrepostos, e ambos estavam presentes na atividade pública.

A Psicologia Positiva surge como uma alternativa, propondo que o foco deve mudar de ênfase “em consertar as piores coisas da vida para construir as melhores qualidades da vida”. Um dos principais representantes desse movimento é o psicólogo Martin Seligman, professor da Universidade da Pensilvânia.

Pesquisadores afirmam que a psicologia positiva é o estudo científico das forças e virtudes humanas naturais, concentrando a atenção nas potencialidades, motivos e capacidades que fazem com que uma grande parte das pessoas se adaptem com sucesso nas mais variadas situações e circunstâncias.

 

Essa corrente se baseia numa mudança básica de perspectiva: em vez de se concentrar nas falhas, o foco de atenção são as forças e virtudes das pessoas. É a partir daí que se ganha condições para superar tanto os obstáculos de agora como outros que poderão surgir.

 

Seligman afirma que a missão da psicologia positiva é entender e fomentar os fatores que permitem que as pessoas, comunidades e sociedades possam prosperar, diferenciando assim a psicologia positiva da psicologia convencional que se dedica basicamente, desde a segunda guerra mundial, ao estudo dos problemas, das patologias e das disfunções.

 

Seja Feliz, inicie uma nova etapa em sua vida encontrando a felicidade que está dentro.  A felicidade não depende só do que acontece ao nosso redor  também depende do que acontece dentro de nós. Busque aprimoramento e conheça o coaching, processo facilitador para que você conquiste os resultados esperados em sua vida. Sorria, o Sorriso é o símbolo mais conhecido que representa a felicidade humana.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: